Curiosidades sobre “Cinquenta Tons de Cinza” que você não sabia


Logo que chegou ao mercado, o livro “Cinquenta Tons de Cinza” se transformou em um verdadeiro fenômeno literário, se consolidando como um best-seller em praticamente todos os países em que foi lançado. Escrito por E.L. James, a obra que mistura romance com erotismo conquistou as mulheres, estampou capas de jornais e revistas e rendeu até uma adaptação para o cinema.

Conheça  a seguir alguns fatos curiosos sobre a obra:

1) ”Cinquenta Tons de Cinza” é um fenômeno nascido na internet. Inicialmente vendido pela web, o livro chegou a milhares de leitores que teriam vergonha de comprar a obra em uma livraria. Quando finalmente chegou às estantes, já era um verdadeiro sucesso.

2) Em apenas 6 semanas, o livro vendeu 10 milhões de cópias, superando “O Código da Vinci” na lista de best-sellers. Hoje, mais de 40 milhões de exemplares foram vendidos em todo o mundo.


3) No Brasil, 100 mil cópias do livro foram vendidas em apenas duas semanas. Cerca de 6 mil cópias são vendidas por dia no país.

4) Erika Leonard é o nome real de E.L. James. Ela tem 50 anos, é mãe de dois adolescentes e trabalhava como executiva de televisão quando escreveu o livro.

5) Para obter os direitos de transformar “Cinquenta Tons de Cinza” em filme, a Universal teve que desembolsar cerca de US$ 5 milhões.

6) O sucesso instantâneo do livro fez com que a autora E.L. James entrasse para a lista das 100 pessoas mais influentes do mundo das revistas “Time” e “Forbes”.

7) ”Cinquenta Tons de Cinza” também virou um fenômeno entre as celebridades. Selena Gomez, Kristen Stewart, Will Ferrel e Eva Langoria foram alguns dos famosos flagrados lendo o livro.


Avalie este Artigo?

Mais pra voce!